segunda-feira, 14 de março de 2016

Universidade incentiva projetos de cemitérios sustentáveis

Na Universidade de Columbia, nos Estados Unidos, foi lançada uma iniciativa dedicada ao estudo dos cemitérios. A DeathLab, da Escola de Arquitetura, Planejamento e Preservação, é destinada à criação de projetos sustentáveis de cemitérios futuristas. Recentemente, eles divulgaram a proposta vencedora do melhor conceito deste ano: uma floresta da lembrança iluminada por estrelas. O projeto oferece uma bela maneira de homenagear nossos entes queridos e é também muito mais ecológico que as estruturas que temos hoje.

O novo conceito de cemitério, batizado de Sylvan Constellation, combina vasos – no lugar dos túmulos – com uma paisagem arborizada e iluminada a partir de fontes alimentadas com biomassa.
“A DeathLab foi criada com o objetivo de lançar projetos ambientalmente responsáveis que além de preservar nossas tradições culturais sobre a morte, também valorizem as cidades e nos lembrem da nossa responsabilidade de preservar este mundo para o futuro da humanidade”, disse Karla Rothstein, fundadora e diretora da iniciativa.

A ideia central do DeathLab é unir fé e ciência, e por meio de ideias sustentáveis encontrar a melhor forma de respeitar a espiritualidade e crenças de cada um.

Nenhum comentário:

Postar um comentário