sexta-feira, 4 de março de 2011

Calor humano será aproveitado para gerar energia em Estocolmo

Calor humano será aproveitado para gerar energia em Estocolmo



sensor de calor em estação
Sensor de calor/Foto:Jung Yeon-Je/AFP-Ge
A movimentação de pessoas na Estação Central de Estocolmo deverá ser utilizada para produção de energia na Suécia. É que engenheiros suecos da Jernhusen, companhia imobiliária que trabalha na central, desenvolveram um sistema de trocas de calor que se usufruirá da intensa passagem de pessoas pelo local, cerca de 250 mil passageiros por dia.
estação central de estocolmo
Central de Estocolmo
Esse sistema, ambientalmente correto, irá instalar receptores por toda a estação a fim de transferir o excesso de calor corporal para a água. Após isso, a água será bombeada e redistribuída como aquecimento para um prédio empresarial anexado a estação. O custo da iniciativa é de um bilhão de euros e deverá ser concluída em junho de 2012.
fotos do projeto
Imagens do projeto/Foto: Jernhusen
Os benefícios desse alto custo vão da diminuição do custo energético da estação, que deve cair 25%, ao aquecimento sustentável de um prédio de escritórios. Para Doug King, consultor especializado em inovação de design e desenvolvimento sustentável na construção civil, essa é uma das várias iniciativas que surgirão no ramo. “As pessoas agora estão começando a pensar sobre as redes de distribuição urbana de calor em todos os lugares”, afirmou Doug King.
fotos do projeto
Imagens do projeto/Foto:Jernhusen

Nenhum comentário:

Postar um comentário